Página inicial / Notícias / Três mil livros infantis serão distribuídos de graça em SP e RJ

Três mil livros infantis serão distribuídos de graça em SP e RJ

Preços e informações apuradas em 21/05/18 e sujeitas a mudança sem aviso prévio.

Ter acesso à leitura de livros é muito importante para o desenvolvimento cognitivo dos pequenos. Com o intuito de promover a leitura e facilitar o acesso à cultura, a partir desta segunda-feira (21) a Saraiva, uma das maiores redes varejistas de educação, cultura e entretenimento, espalha pelas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro mais de três mil títulos infantis.

As obras estarão disponíveis gratuitamente nos ninhos de livros, pequeninas bibliotecas colaborativas em formato de casinhas de passarinhos, espalhados em mais de 40 pontos da capital paulista e carioca. Nos espaços, você que tem livros em casa também pode deixar uma obra para outra pessoa. Com isso, será possível continuar o ciclo de trocas de livros.

Grandes clássicos da literatura infantil vão fazer parte dos títulos disponíveis. Entre eles obras como Chapeuzinho VermelhoPinóquioPeter PanBranca de Neve e outros títulos, como Bailarinas Encantadoras, As Fadas, O Grande Livro da Fazenda, Os piratas barulhentos, entre outros.

“Acreditamos no poder transformador dos livros e por isso continuamos a investir no incentivo à leitura e em mais acesso à cultura e educação. Em mais de um ano e meio de projeto com a Saraiva, passaram mais de 615 mil livros pelos ninhos, trocados e compartilhados por diferentes perfis de leitores”, diz Sabrina Sakakura, gerente de marca e comunicação da Saraiva.

Ninhos de Livros estão espalhados em São Paulo e no Rio de Janeiro. Créditos: divulgação

Ao passar por um dos ninhos de livros, você poderá conferir de perto a nova identidade visual do projeto. Com o novo layout, as casinhas ganharam traços personalizados que remetem as duas cidades onde os ninhos estão alocados, como uma forma de homenageá-las. Para a cidade de São Paulo, o layout tem referências mais urbanas que remetem ao grafite com desenhos de prédios. Já no Rio de Janeiro, a nova identidade faz referência ao mar, com ondas.

“Cada local escolhido das cidades gera uma interação nova e diferente com os ninhos, pois cada comunidade tem um perfil próprio, como, por exemplo, no Arpoador, onde há uma troca intensa de livros em outras línguas, ou no Beco do Batman que tem uma troca maior por biografias e livros de filosofia. A cada feedback positivo e maior envolvimento do público, o projeto ganha mais força e nos inspira a continuar investindo, cada vez mais, no incentivo à leitura”, completa Sabrina.

Os ninhos de livros também podem ser encontrados nas estações de trem da SuperVia, no Rio de Janeiro. A parceria fechada em agosto do ano passado contempla as estações Central do Brasil, São Cristóvão, Maracanã, Madureira e Nova Iguaçu e tem gerado bons resultados, com uma rotatividade constante. Em média, são trocados 30 livros por dia em cada ninho totalizando, aproximadamente, em torno de 50 mil títulos desde o inicio da parceria.

Clique aqui e confira onde encontrar um ninho de livros mais perto de você.

Fonte: Catraca Livre

Sobre admin

Check Also

O livro, esse subversivo!

Texto por Jaime Pinsky     Em artigo, o editor Jaime Pinsky defende: ‘Onerar o livro, transformá-lo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *