Página inicial / Fontes de Informação / Livros / Tidos como doutrinários, livros didáticos vão ficar mais leves em 2021

Tidos como doutrinários, livros didáticos vão ficar mais leves em 2021

Além da mudança no conteúdo, proposta do governo federal inclui a inserção de símbolos nacionais na capa dos livros

O presidente Jair Bolsonaro pretende fazer uma mudança no conteúdo dos livros didáticos a partir do próximo ano. Além de ter a bandeira do Brasil na capa e o Hino Nacional, o material deve ser mais leve e menos profundo. O governo acredita que a função do livro didático é ensinar e não doutrinar. O Programa Nacional do Livro Didático foi criado em 1985 pelo governo federal com objetivo de distribuição gratuita para os alunos das escolas públicas de ensino fundamental de todo o País.

Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Para entender que mudanças podem ser feitas e como estão os livros atuais, a repórter Sandra Capomaccio conversou com o professor Maurício Pietrocola, titular  de Metodologia de Ensino da Faculdade de Educação da USP. Seu ponto de vista é que não será possível se ater apenas ao que vem escrito nos livros, pois em tempos de globalização fica impossível não usar informações complementares na classe.

Acompanhe, pelo link acima, a íntegra da matéria.

Fonte: Jornal da USP

Sobre admin

Check Also

Atualização dos dados de 2019 Bibliotecas SisEB – Prorrogação de prazo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *