Página inicial / Notícias / Proposta condiciona avaliação de universidades ao cadastro de suas bibliotecas

Proposta condiciona avaliação de universidades ao cadastro de suas bibliotecas

O projeto de lei 3330/19 condiciona a avaliação da infraestrutura das instituições de ensino superior ao cadastro das bibliotecas institucionais junto ao órgão responsável pela gestão de cultura no governo federal.

Najara Araujo/Câmara dos Deputados
Lançamento da Frente. Dep. Mário Heringer (PDT - MG)
Heringer: objetivo é permitir que o usuário possa encontrar bibliotecas mais facilmente

O objetivo do projeto é evitar o subregistro atualmente existente em relação às bibliotecas universitárias no Sistema de Bibliotecas Públicas. Esse sistema, vinculado à Secretaria Nacional de Cultura, é um banco de dados virtual que oferece ao cidadão a possibilidade de consulta por nome da biblioteca, unidade da federação, município, área de especialidade da biblioteca ou tipo de biblioteca.

“O objetivo do Sistema é o de permitir ao usuário encontrar todas as bibliotecas existentes em uma determinada localidade, filtrando-as pelas categorias mencionadas. Ainda que seu nome indique tratar-se de um sistema exclusivo para bibliotecas públicas, seu objetivo muito mais amplo é o de prover ao País um verdadeiro inventário das bibliotecas existentes no território nacional”, explica o deputado Mário Heringer (PDT-MG), autor da proposta.

Tramitação
O projeto, que tramita conclusivamente, será analisado pelas comissões de Educação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

Reportagem – Luiz Gustavo Xavier
Edição – Ana Chalub

Sobre admin

Check Also

Livro de Patrícia Palma revela rede de bibliotecas religiosas que contribuiu para cultura escrita no século XVIII

Samuel Mendonça 13 de Novembro de 2019 Cultura Deixe um comentário Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo A …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *