Página inicial / Notícias / PROJETO DE PRESERVAÇÃO DE OBRAS RARAS DO TRT/RJ PODERÁ SER EXPANDIDO PARA TODA A JUSTIÇA DO TRABALHO

PROJETO DE PRESERVAÇÃO DE OBRAS RARAS DO TRT/RJ PODERÁ SER EXPANDIDO PARA TODA A JUSTIÇA DO TRABALHO

Uma proposta do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) para a preservação de livros e periódicos raros e especiais poderá ser expandida para toda a Justiça do Trabalho. Trata-se do projeto “Acervo Bibliográfico Histórico da Justiça do Trabalho”, que foi proposto pelo desembargador Marcelo Antero de Carvalho ao Comitê Gestor do Programa Nacional de Resgate da Memória da Justiça do Trabalho (CGMNac-JT).

O objetivo geral do projeto é identificar, preservar e divulgar o acervo raro ou especial existente nas bibliotecas, pertinente à história da Justiça do Trabalho e ao Direito do Trabalho, contribuindo para a preservação da memória da instituição. O projeto prevê também a criação de um catálogo coletivo, que consolide as informações sobre o acervo de obras raras disponíveis em todos os tribunais trabalhistas.

O projeto foi apresentado ao Comitê em 2018 e, desde então, o tema vem sendo discutido nas reuniões do grupo. Na última reunião do CGMNac-JT, realizada no mês de maio deste ano, a proposta foi aprovada pelo coordenador do Comitê, ministro Ives Gandra da Silva Martins Filho. O magistrado deve submeter ao presidente do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e do Tribunal Superior do Trabalho (TST) a minuta de um ato que, se aprovado, vai orientar as bibliotecas de toda a Justiça do Trabalho na identificação, preservação e divulgação do acervo bibliográfico histórico do Judiciário trabalhista.

Uma das ações decorrentes do projeto apresentado pelo TRT/RJ foi realizada no final do mês de junho: o curso “Gestão de Acervos Raros e Especiais”, promovido pelo Tribunal Superior do Trabalho, reuniu bibliotecários e outros servidores de diversos tribunais trabalhistas. Durante o curso foram discutidos critérios para seleção de um acervo bibliográfico histórico da Justiça do Trabalho. A biblioteca do TRT/RJ não só participou do treinamento, como também vem trabalhando em conjunto com a biblioteca do TST para o desenvolvimento da proposta em âmbito nacional.

CURSO NO TST1
Gestão de acervo raro: curso promovido pelo TST

SAIBA MAIS SOBRE O CGMNac-JT

Instituído em 2011, durante as comemorações dos 70 Anos de instalação do judiciário trabalhista, o CGMNac-JT tem entre seus objetivos o de auxiliar na formulação de políticas e planos estratégicos voltados ao resgate da memória da Justiça do Trabalho, pertinentes a acervos arquivísticos, bibliográficos e museográficos, além de fomentar a pesquisa de temas relacionados à história e à evolução do Direito do Trabalho e da Justiça do Trabalho. O desembargador do TRT/RJ Marcelo Antero de Carvalho magistrado compõe o Comitê como representante da região sudeste.

Fonte: TRT1-RJ

Sobre admin

Check Also

Ler com a ponta dos dedos e com os ouvidos

PUBLISHNEWS, REDAÇÃO Dorina Nowill encomenda pesquisa ao Datafolha para saber o perfil leitor das pessoas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *