Página inicial / Sistema CFB/CRB / CRB8 / O discurso de posse da Presidenta Ana Cláudia Martins, descreve o sentimento e o compromisso de todos (as) Conselheiros (as) da 19ª Gestão do CRB-8

O discurso de posse da Presidenta Ana Cláudia Martins, descreve o sentimento e o compromisso de todos (as) Conselheiros (as) da 19ª Gestão do CRB-8

São Paulo, 06 de janeiro de 2021.

Boa noite a todos (as).

Gostaria de agradecer a todos (as) que estão presentes nessa solenidade digital.

É com bastante orgulho e com profundo sentimento de responsabilidade que assumo hoje a presidência do Conselho Regional de Biblioteconomia do Estado de São Paulo – 8ª Região. Desafio aceito por ter a plena convicção de que não estarei sozinha, pois, contarei com a participação dos bibliotecários (as) que compuseram a Chapa 1 – Informar.É, e aceitaram dividir comigo a jornada pelos próximos três anos, para com os quais tenho profunda gratidão.

Gostaria de saudar a 18ª Gestão, representada aqui pela ex-presidenta Regina Celi, pela atuação a frente do Conselho nesse último triênio. Quero agradecer a todos (as) envolvidos no processo eleitoral do CRB8 e, meu agradecimento especial a todos (as) profissionais bibliotecários (as) que votaram e contribuíram para a construção de mais um capítulo no processo democrático eleitoral.

Eu e os (as) demais conselheiros (as) temos a consciência de que não será uma gestão fácil devido às crises sanitária e política, acrescidas pelo desemprego, que infelizmente estão assombrando o nosso país. Mesmo diante dessa conjuntura, trabalharemos para valorizar ainda mais a nossa categoria e nossos (as) profissionais. Lutaremos juntos (as) com a classe para reverter esse quadro e nos colocar, novamente, como protagonistas da nossa história.

Nossa gestão será pautada dentro dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Plataforma Agenda 2030, da UNESCO, pois acreditamos no contexto socialmente sustentável como um canal de desenvolvimento profissional, que busca aprimoramento e melhora na aplicabilidade das ações concernentes ao espaço da Biblioteca e suas variantes institucionais.

Temos certeza de que o diálogo é a melhor ferramenta para nos aproximar dos (as) profissionais bibliotecários (as), das entidades biblioteconômicas e, principalmente, da sociedade. Temos como uma das metas a sensibilização do poder público perante a real necessidade das bibliotecas públicas e escolares como agentes de transformação social e intelectual, e da atuação dos (as) profissionais bibliotecários (as) como protagonistas nessa transformação.

A nossa área e, consequentemente, nós profissionais somos, muitas vezes ainda, invisíveis para grande parte da população. A nossa gestão atuará incansavelmente para reverter esse quadro, nos aproximando da sociedade e nos colocando como fundamentais para seu desenvolvimento, pois, somos profissionais da informação. E, uma informação de qualidade transforma e protege, tornando o (as) cidadão (ã) mais crítico e pensante.

A valorização dos profissionais e da nossa área é uma construção de todos (as) nós. Diálogo e parceria, esse será o norte de nossa gestão.

Perante tudo que foi dito, proponho em nome da 19ª Gestão uma transformação coletiva da Biblioteconomia do Estado de São Paulo.

“Prometo tudo fazer para preservar o cunho liberal e humanista da profissão de bibliotecário (a), fundamentado na liberdade de investigação científica e na dignidade da pessoa humana.”

Muito obrigada!.

Ana Cláudia Martins
Presidenta – CRB-8/8246

Sobre admin

Check Also

Descontos: Sociologia e Política Escola de Humanidades – Processo Seletivo 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *