Página inicial / Literatura / Escritores / Lobato entra para domínio público em 2019

Lobato entra para domínio público em 2019

Correndo contra o tempo, editora Globo lançará mais um livro do escritor taubateano: ‘Viagem ao Céu’

Aproveitando os últimos momentos de exclusividade sobre a obra de Monteiro Lobato, a editora Globo lança a edição de luxo do livro “Viagem ao Céu”, publicado originalmente em 1932.

Trata-se do quinto título da obra do autor taubateano voltado para colecionadores. A editora já lançou no formato “Memórias da Emília” (2017), “O Saci” (2016), “Caçadas de Pedrinho” (2015) e “Reinações de Narizinho” (2014).

Na trama do novo título, Dona Benta resolve ensinar astronomia a Pedrinho, Narizinho e Emília. Da varanda de casa, eles observam o céu cheio de estrelas e falam sobre os homens sábios que se dedicaram a estudar os mistérios da ciência do universo.

E, graças ao poder mágico do pó de pirlimpimpim, eles viajam pela Via Láctea, passam pela Lua, pelos planetas e constelações. A obra mistura o saber popular da Tia Nastácia, a erudição de Dona Benta e o poder da imaginação das crianças.

Vale ressaltar, claro, que a obra foi escrita anos antes do homem pisar na Lua (1969).

DOMÍNIO/ Em 2007, a editora Globo assinou contrato com herdeiros de Lobato. O acordo pôs fim a um complicado relacionamento entre a família e a editora Brasiliense, que, segundo os herdeiros à época, fazia 40 anos que não atualizava a obra do autor, conforme relataram ao jornal ‘Estado de S.Paulo”.

A partir de 1º de janeiro de 2019, toda a obra de Lobato passa para Domínio Público – 70 anos de sua morte – algo, aliás, muito aguardado pelo mercado editorial, uma vez que, a partir do ano que vem, todas as editoras poderão publicar seus títulos sem ter de pagar direitos aos herdeiros.

EXTRA/ “Viagem ao Céu” conta com ilustrações originais (históricas!) de quatro artistas: Jean Gabriel Villin, J. U. Campos, André Le Blanc e Augustus.

Até o final do ano, outros dois livros serão disponibilizados nas livrarias: “A Reforma da Natureza”, originalmente de 1941, e “Urupês”, que completa 100 anos em 2018.

BIO/ Lobato nasceu em Taubaté, em 1882. Formado em Direito, foi escritor, jornalista, tradutor, editor e empresário.

Fundou sua própria editora, publicou inúmeros livros para adultos, e, em 1920 lançou seu primeiro livro infantil, “A menina do nariz arrebitado”. Foi a partir daí que começaram a nascer histórias do Sítio do Picapau Amarelo.

O escritor colocou, ainda, luz sobre costumes da roça, lendas do folclore nacional e a mitologia grega. Morreu em São Paulo, em 4 de julho de 1948, sendo considerado o pai da literatura infantil no país.

Fonte: Gazeta de Taubaté

Sobre admin

Check Also

Biblioteca Municipal de Itaquá tem livros disponíveis para empréstimo diferenciado nesta quarentena

Texto por Itaquá Você sabia que grandes obras literárias surgiram em tempos de quarentena? Exemplos disso …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *