As tragédias que atingiram as cidades mineiras de Mariana (2015) e Brumadinho (2019), ocasionadas pelos rompimentos das barragens de rejeitos das minerações da Samarco e Vale, e que ainda ameaçam tantas outras cidades, foi o mote para que cartunistas de todo o Brasil através de seus traços protestassem e denunciassem a ganância desenfreada de certas pessoas que só enxergam números onde há seres humanos, que feriram de morte as cidades e a natureza, deixando um rastro de centenas de mortos e desaparecidos, danos irreparáveis aos biomas e a destruição de memórias coletivas.

Estamos em um momento de mudanças tão rápidas, em que fatos vão se sobrepondo, sendo esquecidos e repetidos como se não houvesse perdas.

Para não esquecermos, o cartunista Jal José Alberto Lovetro reuniu vários cartunistas e criou a exposição virtual Lama sem Alma, que foi materializada através de trabalho interdisciplinar de dois professores da Escola Estadual Professor Aníbal de Freitas (Campinas/SP), Márcio José Andrade da Silva (Filosofia) e Débora Sabino (Artes) e que a ela somaram os trabalhos realizados pelos alunos da escola e também poemas de Carlos Pronzato, que retratam o impacto vivenciado por ele enquanto realizava seu documentário ‘LAMA, o crime Vale no Brasil: a tragédia de Brumadinho”, recentemente lançado.

Todas essas perspectivas compõem a exposição “Lama sem Alma” que poderá ser vista na Biblioteca Pública Municipal “Professor Ernesto Manoel Zink” até o dia 30 de maio.

Artistas participantes: Alunos da Escola Estadual Professor Aníbal de Freitas (Campinas/SP), Abel Costa, Adão Iturrusgari, Amorim, Benett, Bira Dantas, Biratan, Bruno Lanza, Bruno Luup, Carvall, Cau Gomez, Cival Einstein, Claudiomor, Dálcio Machado, Douglas de França, Eder Santos, Edgar Vasques, Edra, Elihu Duayer, Fausto Bergocce, Fernandes, Filipe Baratta, Floreal, Fred Ozanan, Genin Guerra, Gilmar, Henfil, J Bosco Azevedo, Jal José Alberto Lovetro , Jorge Inácio, Jota A, Josiane O. Massa, Josú Barroso, Júnior Lopes, Klévisson Viana, Lailson, Lázio Júnior, Luccas Longo, Magali Spada e Souza, Manga, Marcelo Magon, Márcio José, Mário Tarcitano, Mauro Miranda, Moacir Torres, Moisés, Mônica Fuchshuber, Nei Lima, Paulo S. Jindelt, Pelicano, Pissardini, Pryscila Vieira, Quinho, Régis Soares, Reynaldo Berto, Rice, Rodrigo Brum, Ronaldo, Santiago, Sérgio Lemos, Synnöve, Thiago, Turma o Mangue, Valtz Spindola e Vasco Gargalo. (Carta Campinas com informações de divulgação)

“Exposição LAMA SEM ALMA: Brumadinho e Mariana”

Onde: Biblioteca Pública Municipal “Professor Ernesto Manoel Zink”

Avenida Benjamin Constant, 1633, Centro-Campinas

Quando: até 30 de maio de 2019, de 2ª a 6ª feira, das 9h às 17h

Fonte: Carta Campinas