Página inicial / Biblioteconomia / Bibliotecárias(os) / Atuação Política / Grupo cria ‘bancada do livro’ para disputar eleição no Rio

Grupo cria ‘bancada do livro’ para disputar eleição no Rio

Texto por FolhaPress

Foto: Divulgação

Se existe a bancada da bala, a bancada da Bíblia e a bancada do boi, por que não criar uma bancada do livro? Assim pensaram oito artistas, professores, ativistas e produtores culturais que decidiram se juntar e concorrer a uma vaga na Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

Começou quando o prefeito carioca, Marcelo Crivella (Republicanos), mandou censurar os gibis “Vingadores – A Cruzada das Crianças”, expostos na Bienal do Livro do ano passado. O ato gerou o efeito contrário e fez viralizar o desenho dos dois rapazes se beijando.

Também motivou o grupo, que é composto de profissionais de diversas áreas, a se reunir para debater o assunto que os fazia convergir: o livro. Começaram então as rodas de conversa sobre a prática de ler e sobre a democratização da literatura.

Até que alguns meses depois surgiu a ideia de transformar os debates em uma candidatura coletiva aos moldes da Bancada Ativista (PSOL), eleita para a Assembleia Legislativa de São Paulo em 2018. Nessa lógica, apenas um membro é formalmente eleito, mas todos decidem em conjunto.

Leia a matéria completa em Diário de Pernambuco

Sobre admin

Check Also

Projeto de leitura para pessoas acima de 60 anos está com inscrições abertas em Itapetininga

Segundo a prefeitura, a iniciativa é totalmente digital e segura. Acervo virtual possui mais de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *