Página inicial / Notícias / Governo quer preservar património literário português no Brasil

Governo quer preservar património literário português no Brasil

O secretário de Estado das Comunidades esteve recentemente ano Rio de Janeiro e em São Paulo.

No âmbito da deslocação do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas ao Brasil, procedeu-se também à homologação de um protocolo, no Rio de Janeiro, que visa a valorização do património literário e cultural de vários Gabinetes de Leitura portugueses no Brasil.

O acordo enquadra a cooperação entre o Ministério dos Negócios Estrangeiros, através do Instituto Diplomático e o Ministério da Cultura, através da Biblioteca Nacional.

«Vamos realizar o levantamento das obras que temos hoje nos gabinetes de leitura de Belém do Pará, de Salvador da Baía e também de Recife. São entidades fundadas por cidadãos portugueses entre 1850 e 1865 e constituem notáveis exemplos da herança cultural portuguesa, tanto de cariz material como imaterial», afirmou José Luís Carneiro.

Os trabalhos serão levados a cabo por técnicos qualificados, que irão identificar as obras que não existem em Portugal, para efeitos de catalogação, classificação e, posteriormente, de digitalização.

Estima-se que estes três gabinetes de leitura reúnam no seu conjunto mais de 140 mil volumes. Entre este acervo bibliográfico estão muitos dos originais como um manuscrito de um capítulo do livro “A Cidade e as Serras” de Eça de Queiroz, mas também um manuscrito da única edição do livro “Urtigas” do escritor pernambucano Joaquim Maria Carneiro Vilela, assim como uma das coleções mais completas do mundo das obras de Camilo Castelo Branco, que inclui a primeira edição da obra “Amor de Perdição”.

Visita ao Mercado Municipal de São Paulo

José Luís Carneiro visitou o Mercado Municipal de São Paulo. A visita ocorreu a 25 de janeiro, data em que se comemorava o 86º aniversário daquele mercado.

Acompanhado por um agrupamento de música tradicional portuguesa, o governante visitou vários comerciantes portugueses e lusodescendentes que ali têm as suas lojas.

José Luís Carneiro contactou também o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, que destacou a boa integração da comunidade portuguesa na sociedade paulista e a sua importância para o crescimento e desenvolvimento da cidade.

Fonte: Revista PORT.COM

Sobre admin

Check Also

Leitura de ficção literária estimula a empatia em crianças

NEWS  Ler para os filhos permite que tanto adultos como crianças vivenciem situações inéditas Pesquisadores …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *