Página inicial / Notícias / Exposição sensorial se transforma em ciclo de debates na USP

Exposição sensorial se transforma em ciclo de debates na USP

Nas mesas propostas pela área de Artes Visuais da Universidade de São Paulo, público poderá participar, usufruir e opinar

Do Portal do Governo

Desde fevereiro, a Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM) da Universidade de São Paulo (USP) está aberta para o público com a exposição sensorial “Toque”, que, por meio de 255 obras táteis, convida os visitantes a se relacionar com autorretratos feitos pelas mais diversas pessoas.

Agora, além de prorrogar o fim da exposição para 25 de abril, a instalação contará com três debates, que buscarão aprofundar as discussões trazidas pelos seus eixos temáticos. O ciclo de debates “Olhares Transversos – Programas Públicos” acontecerá ao longo do mês de março. As próximas sessões, gratuitas, ocorrerão nos dias 20 e 27, sempre às 14h.

A mostra, desde o início, chamou a atenção não somente pelo tema, mas por ir além do modo tradicional de se absorver o significado da obra ao observá-la. Inteiramente composta por autorretratos produzidos por pessoas que não necessariamente possuem formação artística, videntes e sem visão e pacientes psiquiátricos, entre outros, ela coloca todos lado a lado, como humanos, e sugere que o visitante explore toda a extensão dos trabalhos por meio do tato.

Tema

Na tentativa de destrinchar a complexidade temática, o artista plástico Hélio Schonmann, criador da mostra, convidou a professora Lilian Amaral, doutora em Artes Visuais pela USP, para promover a curadoria de três mesas de debate.

“Esperamos que as pessoas possam participar, usufruir e opinar. Menos do que debate, o que propomos é que as pessoas se sintam convidadas a vir conversar. É uma oportunidade de fala e de escuta coletiva”, afirma Lilian.

Nesse evento, psicólogos, pedagogos, terapeutas ocupacionais e historiadores discutirão os pontos de encontro entre a arte e a terapia. Será abordada também a criação de um Memorial da Convivência Criativa, iniciativa ainda em desenvolvimento que pretende reunir as memórias de 30 anos de políticas públicas que envolvem arte, saúde e cultura simultaneamente.

“Não existe um precedente anterior à ideia desse tipo de memorial. Ele pressupõe criar uma plataforma on-line, com eventos, atividades, cursos e palestras, feitos ao longo de três décadas, sobretudo nos Centros de Convivência e Cooperativa, em São Paulo”, destaca Lilian.

Mediação

No dia 20 de março, será realizada a segunda mesa de discussões. Nela, especialistas vão analisar pesquisas e práticas de agentes do campo da arte e da filosofia, relacionadas à integração e à acessibilidade dessas áreas do conhecimento. A mediação será feita por Schonmann, que, além de ser o curador responsável pela mostra, colabora na coordenação do ciclo.

No encerrando do ciclo “Olhares Transversos – Programas Públicos”, em 27 de março, o encontro proporá uma reflexão sobre a arte como mediadora entre as esferas do indivíduo, da cultura e do ambiente. Com a participação de artistas, arte-educadores, terapeutas e ambientalistas, a mesa terá a coordenação da professora Lilian.

“Esperamos que, com essa oportunidade que nos foi dada pela USP, o ciclo de debates possa mobilizar discussões sobre as pautas urgentes de política pública que a exposição ‘Toque’ atinge, e que ganhem um alcance qualificado proporcionado pelo ambiente universitário”, conclui Lilian.

serviço

Ciclo de debates Olhares Transversos – Programas Públicos
20 e 27 de março, das 14h às 18h
Sala Villa-Lobos da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM) da USP (Rua da Biblioteca, 21 – Cidade Universitária – São Paulo – SP)
Entrada grátis
Mais informações: (11) 2648-0841

Fonte: Portal do Governo

Sobre admin

Check Also

Livro de Patrícia Palma revela rede de bibliotecas religiosas que contribuiu para cultura escrita no século XVIII

Samuel Mendonça 13 de Novembro de 2019 Cultura Deixe um comentário Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo A …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *