Página inicial / Notícias / Das quatro principais bibliotecas municipais, apenas uma está funcionando

Das quatro principais bibliotecas municipais, apenas uma está funcionando

As mais famosas bibliotecas da cidade são mantidos por fundações ou iniciativa privada

Secretaria da Cultura estuda novas parcerias com a Fundação do Livro e Leitura, porém, ainda não há nada acertado

PAULO APOLINÁRIO 12 FEV 2018 09H00

Das quatro principais bibliotecas municipais e abertas ao público, em Ribeirão Preto, apenas uma está funcionando. Destas, apenas a Biblioteca Municipal “Guilherme de Almeida”, localizada na Casa da Cultura, está liberada para visitação. Justamente, a biblioteca instituída por lei.

As outras três, Mário Quintana, Leopoldo Lima e José Pedro Miranda, não estão funcionando.  O Portal Revideouviu todos os responsáveis pelas bibliotecas e também a Prefeitura.

Biblioteca Leopoldo Lima – Marp

Funcionários do Museu de Arte de Ribeirão Preto (Marp) informaram que a biblioteca do local, que traz títulos voltados para a arte, está fechada há 4 anos por falta de bibliotecário.  Por meio de nota, a Secretaria da Cultura respondeu: “quanto à sala de leitura alocada no Museu de Arte de Ribeirão Preto, como se trata de um acervo predominantemente composto por livros de arte, o atendimento ao público interessado é feito via agendamento com o Museu”.

Biblioteca Mario Quintana – GCM

A biblioteca Mario Quintana é mantida pela Guarda Civil Municipal (GCM), e funcionava dentro do prédio da instituição, na Rua Lafaiete. De acordo com funcionários da GCM, o local estaria fechado, pois, seria realocado. Os 940 livros do acervo ocupam muito espaço e seriam catalogados e transferidos para um prédio maior.

Por meio de nota, a Secretaria da Cultura informou que “de acordo com o Diretor Operacional da Guarda Civil Municipal, Domingos Fortuna, o acervo da sala de leitura Mário Quintana será doado para a Biblioteca Municipal Guilherme de Almeida”, explicou.

Biblioteca e Centro de Documentação José Pedro Miranda – Museu do Café

“A sala de leitura componente do Museu do Café encontra-se fechada devido aos estudos para as reformas estruturais no prédio”, alegou a Prefeitura. Em contato com a administração do local, por se tratar também de um acervo histórico da cidade, foi informado ao Portal Revide que para fins de estudo e pesquisa é possível agendar um horário com os funcionários, informando previamente os livros procurados.

Respostas

Apesar do fechamento de algumas bibliotecas por falta de bibliotecário, o Departamento de Recrutamento da Secretaria Municipal da Administração informa que não há previsão de abertura de concurso para o cargo de bibliotecário no município.

Vale lembrar que as bibliotecas localizadas no Centro de Ribeirão Preto, a Altino Arantes e a Padre Euclides, são mantidas pela Fundação Educandário Coronel Quito Junqueira e Sociedade Legião Brasileira Civismo e Cultura Ribeirão Preto, respectivamente. Portanto, não necessitam de concursos públicos para contratar seus funcionários.

Segundo a secretária da Cultura, Isabella Pessotti, há o diálogo da secretaria com a Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto para a retomada de programas de fomento à leitura, como o Projeto Agentes de Leitura, do Governo Federal”. A Secretaria da Cultura está atenta às indicações do Conselho Regional de Biblioteconomia quanto às adequações de nossa biblioteca municipal e das salas de leitura espalhadas por toda a cidade.”, frisa a secretária.

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, que organiza a Feira do Livro, também não recebe recursos municipais diretamente. A Fundação é mantida principalmente por editais como o Proac e Lei Rouanet, projetos estaduais e federais, respectivamente, e também pela iniciativa privada. 

Ainda assim, a Fundação já manteve projetos em parceria com a Prefeitura, como o “Agentes da Leitura”, que fomentava a leitura em bairros isolados da cidade. Atualmente, segundo assessoria de imprensa da Fundação, o projeto não é mais realizado e não há data para um possível retorno.

Foto: Pixabay

Fonte: Revide

Sobre admin

Check Also

NOTA OFICIAL CFB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *