Página inicial / Notícias / Crítico alemão mostra como a literatura transforma a civilização

Crítico alemão mostra como a literatura transforma a civilização

Recém-lançado no Brasil, “O Mundo da Escrita”, de Martin Puchner, é comentado pela professora Marisa Midori

Texto por Roberto C. G. Castro 

O imperador macedônio Alexandre, o Grande (356-323 antes de Cristo), foi profundamente influenciado pela Ilíada, de Homero, que lhe dava o exemplo do líder grego Aquiles para inspirar suas conquistas. Antes dele, Assurbanípal (690-627, aproximadamente), rei da Assíria, teve como modelo a Epopeia de Gilgamesh, um poema épico sumério sobre o mitológico rei Gilgamesh. Mais recentemente, o Manifesto Comunista, de Marx e Engels, embalou milhões de mentes e corações em vários países e modelou a Revolução Russa de 1917.

Esses são alguns exemplos citados pelo crítico literário alemão Martin Puchner em seu livro O Mundo da Escrita – Como a Literatura Transformou a Civilização, lançado em maio passado pela Editora Companhia das Letras.

O livro foi comentado pela professora Marisa Midori em sua coluna Bibliomania, transmitida no dia 5 de julho de 2019 pela Rádio USP (93,7 MHz).

Ouça a matéria:

Fonte: Jornal da USP

Sobre admin

Check Also

Livro de Patrícia Palma revela rede de bibliotecas religiosas que contribuiu para cultura escrita no século XVIII

Samuel Mendonça 13 de Novembro de 2019 Cultura Deixe um comentário Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo A …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *