Página inicial / Fontes de Informação / Livros / As imagens dos livros em “A Insustentável Leveza do Ser”

As imagens dos livros em “A Insustentável Leveza do Ser”

Marisa Midori continua em maio indicando leituras neste confinamento, além de homenagem ao jornalista Marcello Bittencourt

Texto Por Claudia Costa

Depois da série sobre o livro como remédio para a alma nestes tempos de confinamento por causa da pandemia da covid-19, a professora Marisa Midori continua a indicar leituras durante a quarentena em sua coluna Bibliomania. “Foi tentando escapar da monotonia, mas também da indignação que os desmandos políticos me têm provocado, que me deparei com o romance A Insustentável Leveza do Ser, de Milan Kundera”, comenta.

Segundo a professora, durante o mês de maio, a coluna deverá abordar as representações dos livros e das bibliotecas na literatura ficcional. A série é dedicada ao jornalista da Rádio USP, Marcello Bittencourt, produtor do programa Biblioteca Sonora, que faleceu no final de abril por conta da covid-19.

Voltando às imagens dos livros, a professora afirma que, no romance de Milan Kundera, há espaços preciosos em que o livro rouba a cena, e por isso ela lê um trecho em que a personagem, Tereza, encontra, pela primeira vez, Tomas. “A composição de Tereza daria um bom roteiro para uma pintura”, diz Marisa, destacando a imagem da personagem com o livro debaixo do braço.

Fonte: Jornal da USP

Sobre admin

Check Also

DO BALCÃO DA BIBLIOTECA À BANCADA DO PARLAMENTO

A participação de profissionais da biblioteconomia na política partidária no Brasil Texto por Carlos Wellington …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *