Página inicial / Direitos Autorais / Diálogos no Museu da Cidade: Creative Commons e a disponibilização de acervos culturais na internet

Diálogos no Museu da Cidade: Creative Commons e a disponibilização de acervos culturais na internet

CREATIVE COMMONS E A DISPONIBILIZAÇÃO DE ACERVOS CULTURAIS NA INTERNET 

Diálogos no Museu da Cidade 

Diálogos no Museu da Cidade foi estruturado a partir de curadoria compartilhada entre os setores da Museologia, Curadoria, Arquitetura e Educativo do Museu, com o objetivo de apresentar a sua história institucional e, sobretudo, destacar o seu papel social como espaço público privilegiado às necessárias reflexões sobre as dinâmicas culturais e sociais da cidade de São Paulo.

Dando continuidade ao projeto, pela primeira vez um encontro da série será concebido no formato digital, por meio de “live” no canal do Youtube do Museu. O assunto a ser discutido tem tudo a ver com o trabalho colaborativo, direitos autorais, bens em domínio público, criatividade e a arte, bem como compartilhamento em plataformas digitais e gratuitas.

Sobre a Palestrante

Juliana Monteiro, formada em Museologia, museóloga pela UFBA, com especialização em Gestão Pública pela FESP-SP e mestra em Ciência da Informação pela ECA-USP. Trabalhou como museóloga do Museu da Energia de São Paulo (2007- 2008); Posteriormente, foi gestora do Núcleo de Preservação do Museu da Imigração de São Paulo (2015-2016). É membra do COMCOL-ICOM e do conselho consultivo do ICOM Brasil. É representante nacional da empresa Sistemas do Futuro. Coordenadora da área de projetos com instituições de memória do capítulo brasileiro do Creative Commons. Já atuou na articulação entre projetos Wikimedia e instituições culturais, como membra do Grupo Wiki Educação Brasil. Foi embaixadora regional para países da comunidade lusófona da campanha internacional Arte+Feminismo 2019 e 2020.

Sobre a Palestra 

Creative Commons é uma organização sem fins lucrativos que permite o compartilhamento e uso da criatividade e do conhecimento através de instrumentos jurídicos gratuitos, oferece licenças de direitos autorais gratuitas e fáceis de usar para criar uma maneira simples e padronizada de dar ao público a permissão de compartilhar e usar seu trabalho criativo.

Além de abordar todos os assuntos pertinentes ao Creative Commons, como podemos aplicar em nossas instituições de memórias, a fim de resguardar a história por meio dos originais e ao mesmo tempo disseminar a informação por meio dos arquivos digitais, Juliana Monteiro trará também informações de colaborar do CC Brasil e como obter e qual licença é melhor para sua instituição.

A ideia do acesso universal à pesquisa, educação e cultura é possível graças à internet, mas os nossos sistemas jurídicos e sociais nem sempre permitem que essa ideia seja colocada em prática. Os direitos autorais foram criados muito antes do surgimento da Internet, e podem dificultar a execução de forma legal de ações que tomamos como certas na rede: copiar, colar, editar fonte e publicar na rede.

As ferramentas fornecem a todos, de criadores individuais a grandes empresas e instituições, uma forma simples e padronizada para manter seus direitos autorais enquanto permitem determinados usos de seu trabalho – modelo de “alguns direitos reservados” aos direitos de autor – o que torna seu conteúdo criativo, educacional e científico instantaneamente mais compatível com todo o potencial da Internet. 

Data

26 de maio de 2020, às 15h

Plataforma de transmissão

Live através do canal do Museu da Cidade no Youtube

https://www.youtube.com/channel/UC5uo8eOyY8-XLREU7uolqCg 

Responsáveis

Danilo Montigelli – Coordenador do Projeto Diálogos

João de Pontes Junior e Brenda Alves Marques – Organizadores

#DialogosNoMuseuDaCidade #Dialogos #MuseuDigital #CreativeCommons

Sobre admin

Check Also

Conservação-Restauracao hoje – dicotomia entre o fazer e o pensar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *